Dicas ABAP

Published on April 27th, 2011 | by Mauro Laranjeira

2

Padrões de Projetos – Modelos de Códigos

Certo “Zombizada” =D

Para quem trabalha em consultoria e cada dia está em um cliente diferente, sempre tem aqueles padrões de desenvolvimento, um cliente tem um cabeçalho de tal forma, outro declara as variáveis de um outro modo. Mas isso faz parte do nosso trabalho 😉

Mas também, podemos facilitar né?!

Uma dica, podemos criar vários modelos de cabeçalhos e declarações, para nos ajudar durante a codificação.

Para criar um modelo, abra a transação SE38 -> Utilitários -> Outros utilitários -> Processar modelo -> Criar modelo.

Criação de Modelo

Criação de Modelo

Insira o nome do Modelo.

Nome do Modelo

Nome do Modelo

Podemos utilizar o editor para escrever o nosso modelo. =D

Escrevendo um modelo

Escrevendo um modelo

 

A qualquer momento podemos chamar o modelo criado.

Clique em “Modelo”, marque “Outro modelo” e coloque o nome do seu modelo criado.

Inserir modelo

Inserir modelo

 

Podemos fazer a criação de vários modelos, por exemplo para cabeçalho, início e fim de alteração de código, cabeçalho de modificação e etc.

Segue o modelo do abapzombie.

Abraços a toda “zombizada”.

 

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Email this to someonePrint this page

Tags: ,


About the Author

Motoqueiro fantasma… curandeiro do SAP desde 2006… trago o go-live perdido em um fim de semana… junto 9 mulheres para fazer um filho em um mês… acreditador em histórias de Basis… garimpeiro de dados de teste…



2 Responses to Padrões de Projetos – Modelos de Códigos

  1. Fawcs says:

    Já que isso foi twittado hoje, vou comentar =D

    uma vez tentei ser exxxxxxxxxxxxxxxxxxxxperto e gravar um puta código como modelo para toda vez que eu precisasse gerar um alvzinho batuta… esse fdp só guarda 100 linhas!

  2. João says:

    Maneira mais simples(Para mim)…
    criar um atalho..em Options – Code Template…
    Se já existe o IF..DO..CASE…porque não aproveitar? 🙂
    bastando depois escrever o nosso atalho…

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Back to Top ↑