Guias

Published on May 17th, 2011 | by Mauricio Cruz

1

ABAPZombie Guide to ABAP – Parte 23 – CASE

Corre negada! A zumbizada está vontando!

Estive um pouco ausente nas últimos semanas… mas estou de volta, e com vários outros posts para continuar ajudando (ou atrapalhando, vai saber) o povo por ae 😀 .

Vamos lá!

———————————————–

Eu gosto de CASEs. CASEs são legais. CASEs são “nice”. CASEs funcionam. CASEs, muitas vezes, evitam estruturas malucas com milhões de IFs. Estruturas como o CASE existem em diversas linguagens, ou seja: o negócio é tão bom que não pode faltar.

O que ele faz? Vamos primeiro ver a sua estrutura:

Simples! Em valor, você vai colocar uma variável acessível naquele ponto do programa ou um valor qualquer. Você pode colocar qualquer número de “WHENs” abaixo, indicando o valor ou a expressão que fará com que o programa entre naquele bloco. Caso nenhum dos “WHENs” que você colocou seja igual ao valor do CASE, a execução vai ser direcionada para o WHEN OTHERs. Veja Só:

E qual a diferença desse tal CASE para um ‘IF’? Veja só:

And it’s done. Depois dessa acho que não tem muito mais o que falar do case aqui.

Abraços!

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInShare on Google+Email this to someonePrint this page

Tags: ,


About the Author

é pasteleiro há alguns anos e criou o ABAPZombie junto com o Mauro em 2010. Gosta de filosofar sobre fundamentos básicos da programação e assuntos polêmicos. Músicas estranhas, artes marciais e games indies são legais. Zumbis não. Converse comigo no twitter e conheça o meu livro de ABAP!



One Response to ABAPZombie Guide to ABAP – Parte 23 – CASE

  1. Henrique Dias says:

    <pre lang="abap">
    CASE 'X'.
    WHEN rb_one.
    * Lógica para o RadioButton 1
    WHEN rb_two.
    * Lógica para o RadioButton 2
    WHEN rb_three.
    * Lógica para o RadioButton 3
    ENDCASE.
    </pre>

    Isso é a reversal russa do case auehauehaeuhaeuh

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Back to Top ↑